Início POLÍTICA Maia Filho defende permanência do Programa Farmácia Popular
Maia Filho defende permanência do Programa Farmácia Popular

Maia Filho defende permanência do Programa Farmácia Popular

0
0

O deputado federal Maia Filho (PP-PI) participou esta semana, na Câmara dos Deputados, da instalação da Frente Parlamentar em Defesa da Reestruturação da Farmácia Popular, presidida pelo deputado federal Adail Carneiro (PP-CE). Na ocasião, Maia Filho foi eleito tesoureiro do colegiado.

“O nosso objetivo é debater as perspectivas para o Programa Farmácia Popular do Brasil e sua importância social, bem como apoiar a reestruturação dessa iniciativa de grande relevância para a população brasileira, acompanhar, apoiar ou propor a tramitação de propostas que ajudem a democratizar o acesso regular e permanente de todos os brasileiros a medicamentos mais baratos e com assistência farmacêutica garantida”, afirma Maia Filho.

Segundo notícias veiculadas pela imprensa, os recursos destinados às farmácias do programa popular, serão transferidos para custear a compra de medicamentos distribuídos nas unidades básicas de saúde.

A partir de agora, pacientes terão que recorrer às farmácias conveniadas, mas enfrentarão um problema, a disponibilidade de medicação.

No novo formato, as conveniadas oferecem 25 medicamentos de graça ou com preços baixos, e no Programa das Farmácias Populares, são oferecidos 125 remédios. Para o governo, a maioria das pessoas que busca essas farmácias quer medicamentos que são encontrados também nas farmácias conveniadas.

“A desativação das unidades do Farmácia Popular produzirá alguns efeitos problemáticos. O primeiro deles é que, na prática, serão 100 medicamentos a menos”, observa Maia Filho. “A medida atingirá em cheio a população mais carente, que recebia medicamentos gratuitos.”

De acordo com dados do Ministério da Saúde, o programa atende quase dez milhões de pessoas (em média, por mês), principalmente com 60 anos ou mais, e funciona mediante o credenciamento da rede privada de farmácias e drogarias comerciais, com o intuito de levar o benefício da aquisição de medicamentos essenciais a baixo custo a mais lugares e mais pessoas.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *