Início PIAUÍ CRO/PI fecha consultórios em Piracuruca, São José do Divino e encontra irregularidades Altos e José de Freitas
CRO/PI fecha consultórios em Piracuruca, São José do Divino e encontra irregularidades Altos e José de Freitas

CRO/PI fecha consultórios em Piracuruca, São José do Divino e encontra irregularidades Altos e José de Freitas

0
0

A equipe de fiscalização do Conselho Regional de Odontologia do Piauí (CRO/PI) visitou os municípios de Piracuruca e São José do Divino, onde foram identificadas diversas irregularidades em Unidades Básicas de Saúde, no Centro de Especialidade Odontológica de Piracuruca.

Em Piracuruca, foram visitadas 13 unidades básicas de saúde, das quais duas tiveram suas atividades suspensas. Durante as vistorias, foram encontrados problemas como: ferrugem, mofo, infiltração, ausência de suporte da caixa perfuro-cortante, ausência de porta sabonete líquido, paredes com rachaduras esterilização inadequada.

Todas as unidades de saúde visitadas foram notificadas e receberam um prazo de 30 dias para realizar as adequações solicitadas pelo Conselho.

Já no município de São José do Divino foram fiscalizadas três unidades e as irregularidades encontradas levaram ao fechamento de duas delas. Irregularidades como, esterilização incorreta, infiltração nas paredes, mofo, ferrugem, uso de estufa, equipamentos rasgados, portas e janelas inadequadas, ausência de suporte da caixa de perfuro-cortante e ausência do porta sabonete líquido, fez com que o município também fosse notificado a realizar as adequações solicitadas nos consultórios odontológicos em um prazo de 30 dias.

As unidades de saúde que tiveram suas atividades suspensas só voltarão a oferecer os serviços odontológicos após regularização dasituação, comprovada por meio de uma nova visita do CRO.

Os fiscais do Conselho Regional de Odontologia do Piauí (CRO/PI) também estiveram no municípios de Altos e José de Freitas para realizar vistorias nos consultórios odontológicos de Unidades Básicas de Saúde da região.

Em Altos, foram fiscalizadas as Unidade de Saúde Boa Fé, Maravilha, Boca de Barro, São José, Tranqueira, Bacurizeiro e SESP, nas quais foram identificados problemas, como falta de suporte para caixa de perfuro cortantes, mesa com ferrugem, iluminação deficitária, torneira inadequada para lavagem das mãos, dispensadores de papel toalha e sabão liquido em local errado. O município foi devidamente notificado para realizar as adequações em um prazo de 30 dias. Momento em que haverá o retorno da fiscalização ao município.

Durante as vistorias de retorno em José de Freitas as UBS Santa Luzia, CAIC, Tijuca e Santa Rosa apresentaram inadequações, como ausência de suporte para a caixa de perfuro cortantes, torneira inadequada para a lavagem das mãos, mesas com ferrugem, caixa elétrica sem tampa com fiação exposta e material odontológico sobre a pia dedicada à lavagem de material. Apesar das irregularidades encontradas, o município entregou para a população o Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) totalmente reformado.

Já as unidades Fátima, Hilda Veras, Suco de Uva apresentaram condições inapropriadas para a prestações dos serviços, como material odontológico sobre cadeira, única pia para lavagem das mãos e instrumentais, pia com muita sujidade e ferrugem, fiação elétrica em canaleta, falta de suporte para caixa de perfuro cortantes e material esterilizado exposto. Além disso, foram constatadas infiltrações nas paredes e mofo o que acaba inviabilizando o atendimento.

Diante das irregularidades, as unidades tiveram as atividades odontológicas suspensas e o município foi devidamente notificado pelos fiscais do CRO-PI.

DEIXE SEU COMENTÁRIO

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

%d blogueiros gostam disto: